Qual a Moeda de Portugal? Como Viajar Seguro? | Focco Turismo

Qual a Moeda de Portugal? Como Viajar Seguro?

  • Objetivamente falando, a moeda oficial de Portugal é o Euro.

Agora que você já sabe qual moeda de Portugal entenda qual é a melhor maneira de levar e adquirir euros evitando possíveis dores de cabeça . Se a sua idéia é passar alguns dias de férias ou até mesmo pense em se mudar de país, essa questão pode levar semanas de estudos, neste artigo separamos algumas informações que reduzirão o seu tempo de pesquisas.

A Focco Turismo separou algumas informações essenciais para se considerar antes de viajar para Portugal e a melhor maneira de se programar financeiramente para entrada e permanência no país.

Qual o valor médio de gasto em Portugal?

Segundo algumas regras feitas pelo Visto Schengen (vistos para curta duração de permanência), é preciso levar um mínimo de 75€ por cada entrada no país e 40€ por cada dia de permanência. Isso quer dizer que, para passar 30 dias em Portugal é preciso comprovar um mínimo de 1275€.

O comprovante financeiro pode ser dispensado pelas autoridades com a apresentação de termo de responsabilidade assinado por algum residente do país ou mediante carta convite.

Existe algum limite de dinheiro?

Não existe um limite de quanto você pode levar para Portugal, entretanto, há a necessidade de declaração de quantias superiores a 10 mil euros ou o equivalente da moeda local.

A declaração deve ser preenchida e entregue na alfândega portuguesa. A não declaração dos valores pode resultar em retenção, apreensão ou até mesmo em aplicação de sanções penais, principalmente em casos de declaração falsa.

O mesmo vale para sair do Brasil, precisando declaração de quantia superior a 10 mil reais ou o equivalente em outra moeda. Dessa forma, você deverá entregar a e-DBV na alfândega brasileira devidamente preenchida em conjunto com os demais documentos necessários.

Uma das maneiras mais rentáveis de ter dinheiro em Portugal, evitando as burocracias e taxas das alfândegas, é por meio de transferências internacionais. Para isso, é preciso possuir uma conta bancária em Portugal ou ter alguém de confiança que possa receber o dinheiro por você. A Focco Turismo é especialista em processos de transferências internacionais. Converse com um de nossos especialistas de contas agora mesmo.

Quanto dinheiro é preciso para se manter em Portugal?

É importante ressaltar que é muito difícil fazer um parâmetro de quantos euros por dia é preciso para viajar para Portugal, principalmente pelo fato que tais parâmetros de despesas dependerão das cidades visitadas, do tempo de permanência e do estilo de viagem pretendido. Entretanto, é possível fazer algumas análises técnicas que podem ajudar no seu planejamento. Vejamos:

1 – Custo de vida: Portugal é um dos países da Europa com o menor salário mínimo e, consequentemente, com custos de bens e serviços relativamente baixos, a depender do local frequentado.

2 – Custo de passagens: uma passagem aérea de ida e volta do Brasil a Portugal custa, em média, entre R$ 2.500,00 a R$ 3.800,00.* A variação leva em consideração fatores como a época do ano, as promoções e a rota do voo. Para buscar pelos melhores preços é preciso planejar a compra com certa antecedência (entre 3 a 6 meses antes da viagem).

* dados retirados de sites: LATAM / Decolar.com

3 – Custo de hospedagem: os preços variam muito conforme o tipo de hospedagem, se hotel, hostel, Airbnb e outros. De maneira geral, é possível dizer que apartamentos com uma cama na Airbnb no centro de Lisboa variam entre 20€ a 50€ a diária. Entretanto, com 10€ é possível encontrar camas em quartos compartilhados nos hostels portugueses.

4 – Custos de alimentação: os valores de alimentação também variam muito a depender da cidade visitada e até dos diferentes bairros. Regiões menos turísticas costumam ter preços mais baratos em comparação com bairros centrais de Lisboa e Porto, por exemplo. De maneira geral, podemos dizer que é possível almoçar e jantar com 20€.

Maneiras alternativas de levar euros para Portugal

  • Cartão de crédito: apesar de ser extremamente vantajoso pela liberdade e segurança que proporcionam, o IOF com alíquota de 6,38%, o preço imprevisível do câmbio (calculado apenas na hora do fechamento da fatura), as taxas de saque internacional e manutenção podem tornar essa opção um pouco menos vantajosa;
  • Cartão de débito: embora a alíquota do IOF também ande na casa dos 6,36%, este possui a vantagem de você conhecer exatamente o quanto está pagando no câmbio, pois o valor é descontado já na hora da compra. Cobranças em saques e manutenção também podem acontecer;
  • Travel Money Card: você adiciona o saldo que deseja sob o câmbio do dia e paga a alíquota de 6,38% de IOF conforme for fazendo compras. Nesse caso é importante verificar as taxas de cada cartão para ter fazer uma boa escolha.

Converse com um executivo de contas da Focco Turismo e veja como podemos lhe oferecer as melhores condições do mercado

A Focco é uma casa de câmbio especializada em serviços como:

Quer encontrar um bom valor do Euro em uma operação internacional segura, devidamente habilitada, ágil, transparente e com métodos modernos para conhecer Portugal com comodidade? Preencha o formulário abaixo, converse com um de nossos especialistas agora mesmo e veja como podemos traçar um planejamento eficiente para sua viagem.

Dólar Americano (USD):
4.5592
EURO (EUR):
4.9684
Libra Esterlina (GBP):
6.0570
Dólar Australiano (AUD):
3.1204
Dólar Canadense (CAD):
3.5394
Franco Suiço (CHF):
4.7848
Todos os Valores em Reais estão com IOF. - Os valores são flutuantes e podem sofrer alterações até o momento do fechamento. Fale com um consultor agora!